Tipos de tração

Tipos de tração

Tipos de tração

A tração de um carro é essencial para o seu movimento. Ela é a transmissão da potência do motor para as rodas, fazendo com que o veículo se desloque. Para alcançar esse efeito, as maneiras são várias. 4×2 dianteira, 4×4 traseira, 4×4 integral são algumas das opções ofertadas no mercado brasileiro. Mas, cada uma tem seus pontos positivos e seus usos.

4×2

O quatro indica o número de rodas do veículo e o dois indica quantas serão tracionadas. Nesse caso, isso significa que apenas um dos eixos – o traseiro ou o dianteiro – receberá a força do motor. Carros populares e sedans médios possuem, em sua maioria, tração dianteira. Já a traseira é indicada para veículos mais pesados, que possuem carga na parte de trás do carro.

O professor de engenharia automotiva da Universidade de Brasília (UnB) Alessandro Borges explica que a tração dianteira é a mais comum por conta do seu preço. “Por ser mais barata, ela tem uma difusão muito grande. Entretanto, a escolha entre as duas é feita de acordo com a concepção do projeto”, diz.

Perfeito para pisos em boas condições, a vantagem do 4×2 é que ele economiza combustível e é menos ruidoso que a versão 4×4.

4×4

Já a 4×4 significa que a tração vai para todas as rodas com os dois eixos, recebendo força do motor. Esse sistema pode se apresentar de formas diferentes, dependendo do objetivo e do tipo de carro.

O diretor de engenharia da Mitsubishi Motors do Brasil, Reinaldo Muratori, explica que, por exemplo, em carros esportivos e alguns sedans, é utilizada a tração 4×4 permanente. “O motorista não tem opção de ligar e desligar. A vantagem é que a chance de um dos quatro pneus estar apoiado em uma área com aderência, mesmo em piso molhado, é maior”, diz. Com isso, esses carros são mais seguros e também desempenham melhor.

Já em veículos desenvolvidos para off road, a tração pode ser alterada. Feitos para trafegar em pisos de más condições, o 4×4 contribui para o deslocamento, mesmo em pisos mais íngremes. Já na cidade, o motorista pode usufruir da economia e do menor ruído feito pelo sistema do sistema 4×2.

Alguns carros também possuem a 4×4 reduzida. “Ela muda as relações de transmissão do carro, fazendo com que o torque que vai para a roda dobre”, diz Muratori. Com isso, o motorista pode transpor obstáculos que outro carro não conseguiria. Borges explica que, nesse tipo de tração, o carro não consegue atingir velocidades muito altas, pois o sistema limita.

Manutenção

O professor da UnB destaca que os custos de manutenção são mais caros. “Por ser um conjunto mais complexo, com mais componentes, a revisão sai mais cara”, diz. Entretanto, ele afirma que não há grandes cuidados necessários para manter uma vida longa à tração.

Muratori e Borges concordam que um ponto importante é a leitura do manual do carro e ficar atento aos sinais do painel. “Cada carro tem suas especificações, então se informar sobre o uso indicado da tração é importante. A maioria dos carros modernos tem luzes de alerta no painel, indicando se há alguma anomalia, o que ajuda muito no diagnóstico e o motorista pode procurar a concessionária para verificar o problema”, finaliza.

Bradesco Seguros

A vida é um grande espetáculo e para protagoniza-lo com dignidade precisamos nos sentir protegidos. E esta proteção começa individualmente, passando pela nossa própria vida, nossa saúde, nosso futuro, nossa família e nosso patrimônio para que possamos viver intensamente cada ciclo da vida. Por isso, a proteção passa a ser a grande necessidade das pessoas neste século, marcado por acontecimentos imprevisíveis.  E proteger as pessoas e seus patrimônios é justamente a missão da maior seguradora do Brasil: a Bradesco Seguros.

Fundada há 78 anos, e atenta a diversas necessidades, atua nos ramos de Automóveis, Ramos Elementares, Seguro Saúde, Capitalização, Seguros de Vida e Previdência Complementar.

Ao longo de sua história a Bradesco Seguros, vem trilhando uma trajetória marcada por um sólido crescimento e pleno sucesso. Com uma ampla estrutura de proteção em todo o território nacional, oferece a seus quase 42 milhões de clientes uma moderna estrutura de atendimento por meio de suas Centrais de Atendimento Telefônico, Internet, 374 dependências próprias e 42 mil corretores ativos, além de contar com a rede de mais de 4,6 mil agências do Banco Bradesco.

A Bradesco Seguros também foi pioneira em seu segmento na implantação de uma Ouvidoria de Clientes. Um canal de comunicação, com o objetivo de solucionar eventuais problemas de atendimento. Uma estrutura que funciona dentro dos mais rigorosos padrões de qualidade.

Diferenciais que consolidam cada vez mais a marca do Grupo Bradesco de Seguros no mercado brasileiro.

Uma marca construída a partir do resultado de suas quatro seguradoras.

Sobre o Autor

LuzeAzevedo administrator

error: Content is protected !!